Escolha a sua loja

Para continuar a navegar no nosso site por favor escolha a sua loja de preferência

Escolher

FAÇA VOCÊ MESMO

Como instalar focos de encastrar

1. Precaução

Para instalar focos encastráveis de forma segura:

- Cortar a corrente no disjuntor geral.
- Ler atentamente as instruções de montagem que acompanham o aparelho.
- Respeitar as cores dos cabos durante a conexão.
- Verificar que a potência da lâmpada corresponde à capacidade do casquilho.
- Se o foco é instalado numa casa de banho, verificar a sua classe e índice de proteção.

 

2. Distribuição dos raios de luz

Para realizar uma boa distribuição dos feixes de luz, recomendamos que siga as orientações sugeridas pelo fabricante do foco.

Tome nota de que o diâmetro do feixe luminoso depende do tipo de lâmpada utilizada no foco:
- halogénea 230 volt;
- halogénea 12 volt;
- incandescente.
 

 

3. Número de focos para boa iluminação

A seguir, recomendamos o número de focos necessários para obter uma boa iluminação em função do tipo de lâmpada utilizada (halogénea 230 volt, halogénea 12 volt e incandescente) e da dimensão do espaço a iluminar.

Por exemplo, para iluminar adequadamente uma cozinha de 4x4 metros, a tabela indica duas soluções possíveis… 7 lâmpadas de 50 W ou 15 de 35W.


Número de focos de halogéneo (12 V), funcionando com transformador, necessário para iluminar corretamente uma divisão:

 

 

Dimensão
 
1 m
 
2 m
 
3 m
 
4 m
 
5 m
 
6 m
 
Potência (W) 50 35 20 50 35 20 50 35 20 50 35 20 50 35 50
 
1 m
 
1
 
1
 
2
 
1
 
2
 
4
 
2
 
3
 
7
 
3
 

 

 
4
 

 
5
 
2 m
 
      2
 
4
 
9
 
3
 
7
 
13
 
4
 
8
 
17
 
5
 
10
 
6
 
3 m
 
            5
 
9
 
  6
 
12
 
  7
 
14
 
8
 
4 m
 
                  7
 
15
 
  9
 
19
 
11
 
5 m
 
                        11
 
23
 
 
6 m
 
                             



Número de focos de halogéneo (230 V), funcionando sem transformador, necessário para iluminar corretamente uma divisão:
 

                Dimensão                   
 
        1 m        
 
       2 m       
 
       3 m       
 
       4 m       
 
       5 m       
 
Potência (W)
 
50
 
50
 
50
 
50
 
50
 
1 m
 
2
 
4
 
6
 
8
 
9
 
2 m
 
  8
 
10
 
12
 
15
 
3 m
 
    12
 
16
 
18
 
4 m
 
      20
 
 



Número de focos incandescentes, funcionando sem transformador, necessário para iluminar corretamente uma divisão:
 

Dimensão
 
1 m
 
2 m
 
3 m
 
4 m
 
5 m
 
Potência (W)
 
100
 
60
 
100
 
60
 
100
 
60
 
100
 
60
 
100
 
1 m
 
2
 
2
 
3
 
4
 
4
 
6
 
5
 
8
 
5
 
2 m
 
  4
 
8
 
5
 
12
 
6
 
  8
 
 
3 m
 
        7
 
  8
 
  10
 
4 m
 
            10
 
  12
 


 

4. Normas para a instalação de equipamentos de iluminação em áreas humidas

 

Por motivos de segurança, a instalação de aparelhos elétricos na casa de banho é regida por regras estritas. A instalação de focos encastráveis na casa de banho deve ter em conta o "volume de segurança", o índice de proteção IP e a classe do foco.
 

Escolha onde colocar o foco e certifique-se do correto índice de proteção e classe
 
Volume
 
Índice de proteção

IP mínimo

 
CLASSE

I                            II                       III

 
Fora do volume
 
IP20
 
Sim
 
Sim
 
Sim
 
Volume 3
 
IP21
 
Sim
 
Sim
 
Sim
 
Volume 2
 
IP23
 
Proibido
 
Sim
 
Sim
 
Volume 1
 
IP24
 
Proibido
 
Proibido
 
Sim (1)
 
Volume 0
 
IP27
 
Proibido
 
Proibido
 
Sim (1)
 
                 (1)Com a condição de colocar o transformador fora dos volumes 1 e 2



Volume de segurança:
 


Volume 0
Volume interno da banheira ou da base de duche.
Volume 1
Volume acima da banheira ou da base de duche, até 2,25 m.
Volume 2
Volume situado à volta da banheira ou da base de duche, a uma distância de 60 cm sobre uma altura de 2,25 m.
Volume 3
Volume restante da casa de banho com uma altura de 3 m e até 3 m da borda da banheira ou da base de duche.
 
O código de segurança IP:


O código IP é definido por dois dígitos e indica o grau de proteção dos equipamentos elétricos contra a penetração de corpos sólidos (ex.: pó) e água. O segundo dígito do código IP (de 0 a 7) corresponde ao grau de proteção contra a presença de água: quanto maior é o número, maior é a proteção.
 

A classe:


A classe indica o nível de segurança dos aparelhos contra os choques elétricos.
 

  Símbolo Definição

 

Classe I

 

 

 

A luminária está equipada com um isolamento principal e possui um terminal de ligação à terra. A segurança é boa.

 

Classe II

  

 

A luminária está equipada com um duplo isolamento ou um isolamento reforçado. Possui um terminal de ligação à terra. A segurança é muito boa.

 

Classe III

  

 

 

A luminária é alimentada com uma tensão de segurança muito baixa, não superior a 50 Volt. A segurança é ótima.

 

5. Normas para instalação adequada

- As lâmpadas de halogéneo devem ser alimentadas por um transformador (entrada 230 V, saída 12 V).
 
- Respeitar a potência máxima do transformador expressa em Volt-ampere (VA). Por exemplo, um transformador de 105 VA pode alimentar: 5 focos de 20 Watts (5 x 20 W) = 100 VA); 2 focos de 50 Watts (2 x 50 W= 100 VA); 3 focos de 35 Watts (3 x 35 W= 105 WA).
 
- Respeitar a potência máxima indicada na lâmpada.
 
- No caso de um kit de focos já com fios, nunca alongar os cabos (risco de deterioração do transformador).
 

Como escolher a secção de cabo entre os focos e o transformador:

No caso de uma composição de focos criada por si (transformador + alguns focos), para a iluminação regular das lâmpadas, recomendamos que verifique se a secção do cabo que liga o transformador aos focos corresponde àquela indicada no produto ou nas instruções do fabricante.
 

Potência do transformador em VA

(Volt-ampere)

Secção de cabo em mm

0.75 1 1.5 2.5
 
20
 
      5.2 m      
 
      6.9 m      
 
      10.4 m      
 
      17.4 m      
 
50
 
2 m
 
2.7 m
 
4.1 m
 
6.9 m
 
100
 
1 m
 
1.3 m
 
2 m
 
3.4 m
 
150
 
    1.3 m
 
2.3 m
 
 

                                                                             

Potência do transformador em VA

(Volt-ampere)

Número de focos

0.75 1 1.5 2.5
 
50
 
5.2 m
 
6.9 m
 
10.4 m
 
17.4 m
 
100
 
2 m
 
2.7 m
 
4.1 m
 
6.9 m
 
150
 
1 m
 
1.3 m
 
2 m
 
3.4 m
 

 

6. Instalação

A distância mínima entre o foco e o teto deve ser de aproximadamente 10 cm. A separação entre a lâmpada e qualquer material inflamável deve ser no mínimo de 50 cm. E entre o transformador e a lâmpada deve haver um mínimo de 20 cm.
 


1. Escolher a localização do foco no teto, assinalar o círculo a recortar e utilizar a aparafusadora com serra craniana.
 

 

2. Ligar os cabos previamente instalados no teto falso à entrada de 220 V do transformador.
 

       

 

3. Ligar o casquilho da lâmpada à entrada de 12 V do transformador e colocar o transformador no teto falso, afastando-o 20 cm da lâmpada. O transformador não deve ficar em contacto com a lã de vidro. Se for necessário, coloque-o numa superfície plana (por exemplo, na placa de gesso).

 

         

 

4. Virar as molas de retenção para cima e inserir o foco na abertura.

5. Inserir a lâmpada no casquilho e instalar o foco.

6. Colocar a mola para fixar a lâmpada.
        
O foco está instalado! Ligar o disjuntor geral e fazer um teste.
                                               

 

7. Instalar um Hi-spot de halogéneo (230V) sem transformador

 

               


1. Escolher a localização do foco no teto e assinalar o círculo a recortar. Utilizar uma aparafusadora com uma serra craniana.

2. Ligar os fios elétricos, previamente instalados no teto falso, ao terminal.

3. Fixar o terminal ao foco.

4. Girar cerca de ¼ de volta a lâmpada no casquilho.

5. Colocar a mola de fixação no foco (consoante o modelo).

O foco está instalado! Ligar o disjuntor geral e fazer um teste.

 

 

8. Terminar a instalação

 

1. Seguir as indicações descritas no ponto 1 dos focos.

2. Introduzir o casquilho na armação.

3. Colocar, se necessário, as molas.

4. Ligar os fios de alimentação provenientes do teto falso ao casquilho do foco.

5. Virar as molas para cima, colocá-las na abertura e empurrar a armação para cima.

6. Enroscar a lâmpada no foco e ligar a eletricidade.