Escolha a sua loja

Para continuar a navegar no nosso site por favor escolha a sua loja de preferência

Escolher

TEMPO DE REFLETIR 

Ciclo de mesas redondas

 

Um debate entre especialistas sobre o tema do consumo e da sustentabilidade.

 

 

Consumo responsável

22 de novembro

 

Os atuais níveis de consumo, mobilidade, produção de bens, desperdício e resíduos com consequências ambientais e sociais não têm equivalente na história da humanidade. Por outro lado nunca tivemos consumidores com um nível de acesso a informação e níveis de consciência ambiental tão elevados.

Vivemos na era do consumidor cidadão, onde cada um de nós sabe que as suas escolhas têm um impacto correspondente.

Oradores

Joana Guerra Tadeu

Ecofeminista e ativista pela justiça social e climática. Cria conteúdos na área da ecologia e do impacto social e é a voz do programa Ambientalista Imperfeita na Antena 3.

Eunice Maia

Em 2015, Eunice Maia fundou com o marido a Maria Granel, a primeira "zero waste store" e mercearia biológica 100% a granel em Portugal. Autora do livro “Desafio Zero – Guia prático de redução de desperdício dentro e fora de casa” e vencedora do prémio nacional Terre de Femmes, da Fundação Yves Rocher, para a preservação da biodiversidade, encara a sustentabilidade do planeta como uma missão de vida. Luta e trabalha por um consumo mais consciente, associado à redução de desperdício e um estilo de vida "low waste", com menor impacto. Escreveu o prefácio da edição portuguesa do livro “Zero Waste Home”, de Bea Johnson, uma das suas maiores inspirações. Criou o Programa Z(h)ero, projeto educativo ambiental premiado de redução de desperdício em ambiente escolar e empresarial.

Florinda Matos

Professora do ISCTE Business School. É fundadora e presidente da Associação para a Gestão do Capital Intelectual (ICAA) que tem como missão ajudar a transformar capital intelectual em valor acrescentado, contribuindo para o desenvolvimento sustentável. Além disso, é membro do New Club of Paris, uma organização internacional dedicada à criação de consciência sobre Economia do Conhecimento. É autora de diversos livros e artigos científicos, tendo igualmente mais de 200 artigos de opinião na imprensa portuguesa. Como consultora e como investigadora tem focado os seus interesses na gestão do conhecimento e do capital intelectual, na resiliência organizacional, nos impactos da tecnologia de fabrico aditivo, nos impactos da transformação digital e no desenvolvimento sustentável das organizações.

Nuno Gaspar De Oliveira

Biólogo, especializado em ecologia (FCUL) e geografia (FCSH), com mais de 20 anos de experiência em biodiversidade e ecossistemas. Foi o primeiro gestor de ecossistemas de que há registo em Portugal, no Grupo Esporão, onde colaborou por mais de uma década, e criou a primeira empresa portuguesa especializada em planos de ação de conservação de biodiversidade. Fascinado pelas interdependências entre ecologia e economia, especializou-se em estratégia e gestão (IST).

Adolfo Mesquita Nunes

Partner na Gama Glória. Advogado, speaker, colunista e ex-Secretário de Estado do Turismo.

 

 

Biodiversidade

23 de novembro

 

Sabemos que a biodiversidade é essencial à vida e que o planeta e a economia dependem da sua manutenção, mas à medida que as atividades humanas se estendem a cada vez mais territórios, continuam a reduzir-se os ambientes naturais e a variedade dos organismos neles presentes. Embora a diminuição e a própria extinção de espécies não sejam fenómenos recentes, pois fazem parte da evolução da vida na Terra, as atividades humanas alteraram o seu ritmo natural, criando perdas mais rápidas e intensas. 

Oradores

Violeta Lapa

Além de educadora subaquática, terapeuta aquática, produtora e empresária, fundadora da Oceans and Flow, é, acima de tudo, uma eterna questionadora e aprendiz. Foi através do mergulho livre e da dança subaquática que estreitou a sua relação com a natureza e encontrou espaço para aprofundar a sua consciência ecológica, relação que se reflete em todos os seus projetos que desenvolve atualmente. Vive em Sesimbra, onde partilha com pessoas o seu amor pelo mar, através de sessões de iniciação ao mundo aquático e vivências de ecologia profunda.

Ayala Botto

Enquanto biólogo da conservação, dedicou-se à investigação científica da Ranavirose, uma doença infecciosa emergente que está a levar ao declínio de várias espécies de anfíbios. Por acreditar que a conservação da biodiversidade não se faz sem as pessoas, deixou os laboratórios para me dedicar à Educação Ambiental. É também através da página de Instagram @ayalabotto que promove estilos de vida mais sustentáveis e dá a conhecer a riqueza da biodiversidade nacional.

Diogo Gomes

Licenciado em Biologia pela Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa em 2010. Em 2011 integrou a equipa de Educadores Ambientais do Jardim Zoológico. Atualmente, é técnico educativo no Centro Pedagógico do Jardim Zoológico, responsável pelos programas educativos escolares e formador na área da Educação Ambiental.

Comandante Nuno Leitão

Ingressou na Marinha em 1988, onde se habilitou com o curso de Oficiais da Reserva Naval. Após a sua promoção, em 1991, especializou-se em Mergulhador Sapador na Escola de Mergulhadores da Armada. Em 1994 assumiu o Comando do Destacamento de Mergulhadores Sapadores n.º2. Em 1996, concluiu o curso de mergulhador de combate, no Centro de Buceadores da Armada Espanhola em Cartagena. Em 2000, iniciou uma nova comissão de serviço no Instituto de Socorros a Náufragos (ISN), tendo para o efeito, sido nomeado Chefe do serviço de assistência a banhistas, Diretor do Núcleo de Formação de Socorros a Náufragos da Escola da Autoridade Marítima e responsável pela comunicação institucional externa do ISN. Em 2003, assumiu as funções de Adjunto do Gabinete do Ministro da Defesa Nacional, tendo em 2006 após terminar esta comissão de serviço, regressado novamente à Marinha, onde posteriormente frequentou o Curso de Promoção de Oficial Superior no Instituto de Estudos Superiores Militares (IESM). Foi promovido a Oficial Superior em 2007 e frequentou a Pós-Graduação em Protocolo e Imagem, no Instituto Superior de Línguas e Administração. Em dezembro de 2014 foi nomeado Chefe do Gabinete Informação e Relações Públicas da Autoridade Marítima Nacional e Porta-voz do Almirante Autoridade Marítima Nacional, em acumulação com as anteriores funções. Em janeiro de 2017 foi nomeado para novas funções nas Comissões Eventuais da Recuperação do Património Histórico da Marinha e Comissão Eventual para o desenvolvimento das oportunidades profissionais. Em dezembro de 2019 tomou posse como Diretor do Aquário Vasco da Gama.

 

 

Economia Circular

24 de novembro

 

Vivemos hoje uma era de grandes transformações, em que todos somos chamados a pensar e agir de forma diferente, procurando um caminho que garanta o equilíbrio entre o crescimento económico, a proteção do meio ambiente e o respeito pelos direitos humanos. É neste contexto que a Economia Circular surge enquanto modelo económico que visa responder à limitação de recursos existentes e à necessidade de alterações comportamentais e sociais. Ao contrário do modelo de economia linear onde produzimos, consumimos, descartamos e voltamos a comprar um novo produto, num modelo de economia circular surgem 3 R's que alteram estae padrão insustentável de comportamento. Reduzir, Reutilizar e Reciclar são pilares da economia circular, onde do velho se faz novo, prolongando colcos de vida dos produtos e garantindo novas utilizações para produtos e suas matérias primas.

Oradores

Vasco Sousa

Empreendedor Cívico como Morador através da ativação da Futura Associação de Cidadãos da Praia da Granja e como Pai na Associação De Pais do Colégio Claret. Empreendedor Empresarial através Consultora Aliados de Inovação Sustentável e no Grupo ONEXPERIECE SGPS em Soluções Técnicas para Hotelaria e Restauração Vasco Sousa Aliados Consult: Empreendedor Circular e Sustentável :) na Porto Business School no Programa Gestão Sustentável, na colaboração para a Food Initiative da Ellen Macarthur Foundation e no Projecto Transformar.te da SONAE MC.

André Facote

André, tem 38 anos e é empresário desde os 24 anos, estudou gestão e está na área de impacto social e ambiental com a SKIZO que foi fundada em 2019 e actualmente BCorp Pendente.

Luís Amado

Acredita que é preciso e possível mudar e que as empresas são a grande força de mudança. É possível e desejável fazer mais com menos, induzindo ganhos de eficiência, e assim termos um planeta melhor para todos. Isto é sustentabilidade ! Foi responsável pelo apoio à criação de negócios sociais na Fundação EDP. Mais de 20 anos de experiência de gestão e consultoria em start-ups nas áreas das ciências da vida, tecnologia, energia e impacte (negócios sociais), incluindo fazer parte da administração de empresa do PSI-20. Apaixonado pela sustentabilidade (na versão mais abrangente), tem especial gosto pelo design (também como processo), pela inovação e pelo impacte (nas suas mais variadas vertentes muitas vezes mal tratadas).

Tiago Matos

Ativista ambiental.

 

 

As novas lutas por um planeta sustentável

25 de novembro

 

As batalhas pelo planeta têm hoje novos palcos e novos atores. Das ruas passaram para os ecrãs de telemóvel, tablets e computadores. As grandes manifestações fazem-se hoje nas redes sociais e os novos guerreiros pelo clima e pelas pessoas têm milhares de seguidores que diariamente acompanham tudo o que publicam no instagram, no facebook, no twitter ou até no tik tok. Um movimento liderado na sua maioria por jovens entre os 20 e os 30 anos, sem filiações organizacionais e que têm na solidez dos seus conteúdos e na coerência entre aquilo que defendem e aquilo que praticam no seu dia a dia, o garante da credibilidade que lhes traz milhares de seguidores.

Oradores

Diana Reis

Trabalha como ilustradora, animadora, argumentista, designer de interiores, directora de arte e editora de vídeo. Trabalha na área da Produção de Espectáculos há 10 anos. Viveu na Bélgica e, atualmente, está em Portugal e esteve envolvida em Activismo Ambiental, durante vários anos, e tem a causa Animal como bandeira principal. Como não tem grande talento para ser activista, insiste em fazê-lo ilustrando um mundo melhor no projecto de angariação de fundos para ONGs, que criou com a colega e amiga Maria Reis Rocha, conhecida como Uma Causa Por Dia.

Carolina Salgueiro

Ativista na área dos direitos humanos, feminismo e media, tanto no terreno, como fazendo uso das histórias para motivar a mudança e organizar movimentos grassroot. É a fundadora do movimento da ONU Mulheres HeForShe em Portugal, que mobiliza os jovens para promover a igualdade de género e os direitos das mulheres e das comunidades LGBTQI+. É a Co-Diretora da Sathyam Project, na India, uma organização que apoia raparigas e mulheres através da educação, ajudando a quebrar ciclos de pobreza. Carolina é também uma Global Shaper do Fórum Económico Mundial, liderando campanhas LGBTQ+ e estando envolvida num conjunto de outras iniciativas com instituições como as Nações Unidas, o Parlamento Europeu ou a Right Livelihood Foundation. Sempre a tentar fazer o mundo um pouco melhor. E sempre melhor a fazer isso.

Joana Tadeu

Ecofeminista e ativista pela justiça social e climática. Cria conteúdos na área da ecologia e do impacto social e é a voz do programa Ambientalista Imperfeita na Antena 3.

Mafalda Fernandes

Aluna finalista do Mestrado em Psicologia da Universidade do Porto. Criou uma página anti-racista no Instagram (@quotidianodeumanegra).

 

 

Alterações climáticas - o desafio global

26 de novembro

 

As Alterações Climáticas são um tema omnipresente em todos os cantos do globo. Os próximos anos serão marcados por este tema que a todos os seres humanos diz respeito. O aumento da temperatura em mais de 1,5º é já considerado como inevitável, com consequências nefastas para o planeta em que habitamos. A era do antropoceno, trouxe consigo uma rapidez na degradação das condições de habitabilidade do planeta, fazendo com que pela primeira vez uma espécie esteja a contribuir de forma consciente para a sua próepria extinção. 

Oradores

Laura Lorenzo

Empreendedora na área das alterações climáticas e Circular Business Design Director na Indeed Innovation, uma das mais prestigiadas consultoras de design com escritórios na Alemanha, Estados Unidos e na China, que cria inovação para melhorar os comportamentos das pessoas e das empresas rumo a um futuro melhor para o planeta.
O seu trabalho como empreendedora nas alterações climáticas passa por desenvolver um bio-material de isolamento térmico para a construção, o segundo setor que mais CO2 emite na Europa, feito com o resíduo sólido dos citrinos, ao mesmo tempo que lidera o Green City Makers, um movimento cívico global que procura ajudar as famílias e as cidades a tornarem-se agentes ativos no combate às alterações climáticas.

João Meneses

Licenciado em Gestão, já exerceu diversos cargos de gestão e liderança nos setores público e privado bem como no terceiro setor. Entre outras funções foi mais recentemente general manager de um fundo de investimento para business angels e de uma aceleradora da Porto Business School (Universidade do Porto). Foi, também, professor convidado em duas universidades portuguesas durante cerca de dez anos e articulista num jornal económico. Frequentou diversas formações para executivos no domínio da sustentabilidade, em diversas universidades internacionais como Harvard, Kellogg, Stanford, INSEAD, Cambridge e IMD.

João Antunes

Profissional humanitário versátil com vasta experiência em gestão de coordenação de projetos de emergência em campo, com um forte historial de formação e capacitação de pessoal nacional e internacional e experiência em trabalhar com diferentes interlocutores na Europa e em África. A trabalhar com a Médicos sem Fronteiras desde 2005, nos últimos anos como coordenador de emergências em diferentes contextos humanitários e em missões como a epidemia do ébola na Serra Leoa, a epidemia de febre amarela em Angola, refugiados no Ruanda e no Sudão, e de violência e deslocados internos na Nigéria pelo grupo Boko Haram.

 

 

Energia - O que nos move

27 de novembro

 

A Energia é um dos temas de maior relevo quando falamos de sustentabilidade. Tudo o que fazemos depende de energia, sendo o centro da atual discussão a proveniência da mesma. Como fazer a transição energética para modelos de energia limpa? Como conseguir a democratização de acesso? Como podem outros setores, como o financeiro, ou o da construção, contribuir para esta alteração de paradigma? Quais as alterações às molduras legais nacionais e europeias que até 2025 vão acelerar este processo de transição? Estas e outras perguntas serão colocadas ao extraordinário painel de oradores presentes nesta mesa redonda, onde a Energia será o tema central.

Oradores

António Cruzeiro Esteves

Engenheiro Eletrotécnico, ramo energia, pelo IST. Durante os últimos 25 anos, responsável pela comercialização e instalação dos aerogeradores ENERCON, com cerca de 2.700MW instalados em Portugal.

Edgar Fernandes

Licenciado em Engenharia Mecânica pelo IST e doutorado em Termodinâmica/Energia, assume funções académicas e de investigação no IST no Departamento de Engenharia Mecânica. Desempenha funções de Diretor do Laboratório de Termofluidos, Combustão e Sistemas Energéticos do Centro IN+, de Coordenador Científico do Laboratório Colaborativo do H2-Hylab, de coordenador no IST do Mestrado Internacional Innoenergy-RENE- Renewable Energy, de Co-Coordenador do Mestrado em Engenharia Mecânica e de Coordenador do Mestrado em Engenharia e Gestão de Energia (MEGE).

Nuno Maia da Silva

Licenciou-se em Relações Internacionais pelo Instituto Superior de Ciências Sociais e Politicas da Universidade de Lisboa. Foi Assessor de Comunicação da Construtora Engil desde 1995 e em 2004 assumio o cargo de Diretor de Comunicação Institucional da Secil, Companhia Geral de Cal e Cimento, cimenteira portuguesa de cariz internacional, tendo também, desde 2015, acumulado responsabilidades nas áreas da Sustentabilidade e Responsabilidade Social.

 

 

Impacto positivo - o nosso melhor recurso

28 de novembro

 

A Leroy Merlin no âmbito do seu programa "Impacto Positivo" criou e participou ao longo de 2020 e 2021 em várias ações de enorme impacto nas comunidades onde está presente. Hoje viemos ouvir o testemunho de colaboradores e voluntários da Leroy Merlin, parceiros sociais com quem foram realizadas as ações e beneficiários que testemunharam na 1ª pessoa o impacto das iniciativas. Estas e outros pontos serão colocados ao extraordinário painel de oradores presentes nesta mesa redonda, onde o Impacto Positivo será o tema central.

Oradores

Susana António

Combina o design com o conhecimento tradicional e inovação social para criar impacto nas vidas das comunidades locais em Portugal. O mote da Susana é “Old is beautiful”, e quer que repensemos a nossa perspectiva sobre o envelhecimento e os idosos. É co-fundadora e diretora criativa da hub criativa 60+ A Avó Veio Trabalhar. Já trabalhou com diversas entidades como Fundação Calouste Gulbenkian, Camara Municipal de Cascais, Camara Municipal Lisboa, Chapitô, Experimenta Design, Santa Casa Misericórdia, Beta i ou Thinkpublic Service Design Agency e diversas Organizações Sem Fins Lucrativos, a nível nacional e internacional. Colaborou em várias iniciativas como o Action For Age, o Entregerações ou UAW-United at Work aplicando as ferramentas criativas do design para a resolução de problemas sociais como a solidão, o isolamento sénior, a integração dos cidadãos imigrantes nas nossas comunidades e a problemática do desemprego. Fundou em 2013 a ONG Fermenta, que promove a valorização social e cultural das comunidades locais e organizações, através do design responsável, sendo a iniciativa A Avó Veio Trabalhar um dos exemplos das práticas desenvolvidas, com sede em Lisboa e em Ponta Delgada, e atuação pontual um pouco por todo o país e além fronteiras.

Carla Paiva

Diretora Executiva da Médicos do Mundo, 48 anos, casada, mãe do Matias. Se perguntarmos quando começa a história com o voluntariado, não consegue concretizar uma data, porque o voluntariado é algo que sempre existiu e com o qual cresceu. Lembra-se sim, das inúmeras atividades que desenvolvia com crianças em diversos centros paroquiais, onde residiu, até às colónias de férias fechadas, onde era monitora. Filha de pais juristas, chegou a frequentar o curso de Direito, já na altura com o foco em Direito Humanitário. No entanto, o gosto pela gestão e pelo trabalho de uma organização falou mais alto, e decidiu trocar o curso de Direito por uma Pós-graduação em Gestão das Organizações sem fins lucrativos, na Escola de Negócios da Universidade do Porto. O primeiro contacto com a Médicos do Mundo surge no início da década de 2000, quando, por motivos de obras na sede, a organização utilizava o espaço físico da empresa onde trabalhava. E assim já lá vão, mais de 20 anos de relação. Começou como voluntária no departamento financeiro, que chegou a dirigir, e em 2011 candidatou-se à vaga de Diretora Geral da organização, cargo no qual permanece até hoje. Acompanha a organização no terreno em todos os seus projetos, reais e potenciais, sejam eles nacionais ou internacionais. Conhece toda a organização, todos os colaboradores, todos os voluntários, e faz questão de estar por dentro de todas as atividades que a Médicos do Mundo desenvolve no cumprimento da sua missão.

José Eduardo

Licenciado em Ciência Política e Relações Internacionais na UNL e fez um Mestrado em Gestão na Nova SBE. Fez, depois, voluntariado com pessoas refugiadas, em Atenas, e com o Serviço Jesuíta aos Refugiados (JRS Portugal). Passou ainda pela consultoria tecnológica, na área do setor financeiro. Hoje, é o responsável pelas Parcerias do Just a Change e quer levar a mudança às empresas pelo Voluntariado Corporativo.

João Lavos

Formado em Marketing pelo ISLA e com um percurso de 16 anos na LEROY MERLIN Portugal, passou por diferentes áreas na empresa: liderou a área de Expansão, foi Diretor de Loja e Líder de Digital e, atualmente, é Líder de Marca, Impacto Positivo e Serviços. Tem como ambição criar uma cultura de Impacto Positivo na organização e colocar a sustentabilidade no centro das ações de toda a empresa e de cada um dos mais de 5.000 Colaboradores.

Escolher Loja

Para continuar a navegar no nosso site
por favor escolha a sua loja de preferência

Usar a minha localização actual
ou